3 de set de 2014

Sentimentos e Emoções - Introdução

Bom dia Mulher Virtuosa!

Se tem uma coisa que pode trazer benção ou ruína a uma família é a correta administração dos sentimentos. Como somos todas mulheres venho logo trazendo algo muito importante para começarmos:

A esposa é a base emocional da sua casa.

Sim, temos o marido, temos os filhos, as vezes moramos com os pais, sobrinhos, avós...
Mas quem tem a função de sustentar a vida emocional da nossa família somos nós esposas!

Ah! E se você é solteira, comece hoje a construir essa idéia em sua mente, porque aprender isso já vivendo o casamento não é tão fácil...

Mas pra começar, vamos checar algumas das funções das emoções na nossa vida?

1. Nos fazem avaliar o ambiente onde estamos: Amiga, o ambiente em que você está está intimamente ligado com o que você sente.
Se você se sente ansiosa toda vez que entra na sua cozinha, será que aquela pilha de louça na pia não tem algo a ver com isso?
Se você sente tristeza ao entrar no seu quarto, será que abrir as janelas, colocar uma roupa de cama alegre, usar um desodorizador de ambientes, colocar uma música gostosa... Não pode melhorar? Será que a briga que você teve ontem a noite com o esposo não tem nada a ver com isso?

2. Prepara-nos para algumas ações: Ao sentir medo ao ver aquela baratona voadora (dizem que as mães precisam aprender a encarar esses monstros, né? Rs) você já consegue enviar para o seu cérebro a mensagem que suas pernas devem correr loucamente para o lado oposto! Não só de baratas, mas nossas emoções nos ajudam a fugir de perigos, inclusive a perceber quando as outras pessoas estão em perigos.

3. Auxilia nos relacionamentos: Seus sentimentos podem te tornar mais dócil e receptiva! Assim você estará mais bem disposta a ver o maridão sentar no sofá e descansar depois de um dia difícil quando o que você realmente queria era passar 3 horas contando pra ele o seu dia.

Mas vamos analisar um pouco do princípio:

O que Deus queria para nós quando criou a Terra?

E Deus viu tudo o que havia feito, e tudo havia ficado muito bom. Passaram-se a tarde e a manhã; esse foi o sexto dia.
Gênesis 1:31

No sétimo dia Deus já havia concluído a obra que realizara, e nesse dia descansou.
Abençoou Deus o sétimo dia e o santificou, porque nele descansou de toda a obra que realizara na criação.
Gênesis 2:2-3

O Senhor Deus fez nascer então do solo todo tipo de árvores agradáveis aos olhos e boas para alimento. E no meio do jardim estavam a árvore da vida e a árvore do conhecimento do bem e do mal.
Gênesis 2:9

Então o Senhor Deus declarou: "Não é bom que o homem esteja só; farei para ele alguém que o auxilie e lhe corresponda".
Gênesis 2:18

E esse é um resumo do que Deus queria para nós: Paz, descanso, alegria e companhia. É "SÓ" isso que precisamos!

Maaaas... Quais foram os primeiros sentimentos ruins a surgir na vida pós pecado?

Quando a mulher viu que a árvore parecia agradável ao paladar, era atraente aos olhos e, além disso, desejável para dela se obter discernimento, tomou do seu fruto, comeu-o e o deu a seu marido, que comeu também.
Os olhos dos dois se abriram, e perceberam que estavam nus; então juntaram folhas de figueira para cobrir-se.
Ouvindo o homem e sua mulher os passos do Senhor Deus que andava pelo jardim quando soprava a brisa do dia, esconderam-se da presença do Senhor Deus entre as árvores do jardim.
Mas o Senhor Deus chamou o homem, perguntando: "Onde está você? "
E ele respondeu: "Ouvi teus passos no jardim e fiquei com medo, porque estava nu; por isso me escondi".
Gênesis 3:6-10

É amigas... A vergonha (de estaremos nus) e o medo (de encarar a Deus). Esses sentimentos acompanham a humanidade desde então, e trouxeram com o tempo outros membros para essa família monstruosa, como a raiva, o ódio, a depressão...
E nesse estudo sobre nossas emoções vamos aprender como lidar com essas emoções ruins e buscar a Deus para encontrar nele as emoções boas!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opinião ou dúvida! : )